F1 | Hamilton é o mais rápido na sexta-feira em Marina Bay

A Mercedes teve mais dificuldades, mas confirmou o status de favorita no primeiro dia de treinos livres para o Grande Prêmio de Cingapura. O britânico Lewis Hamilton terminou a sexta-feira em primeiro, com o tempo de 1’47″490. A segunda posição porém, não ficou com o alemão Nico Rosberg, como seria de costume. O companheiro de equipe de Hamilton terminou apenas na décima-terceira posição, já que foi atrapalhado por uma bandeira vermelha causada por um acidente do venezuelano Pastor Maldonado.

Mesmo assim a briga pela primeira posição foi boa, já que, mesmo sem Rosberg, o espanhol Fernando Alonso mostrou que a Ferrari tem um bom carro para uma pista com poucas retas e muitas curvas. O bicampeão terminou o dia no segundo posto, e muito próximo, pouco mais de 1 décimo de segundo. Daniel Ricciardo foi o terceiro colocado e Kimi Raikkonen o quarto.


Os motores Mercedes não conseguiram empurrar seus carros na lenta pista de Marina Bay. Em uma crescente na temporada, a Williams encontrou dificuldades e Felipe Massa foi apenas o décimo-sétimo colocado, apenas uma posição à frente de seu companheiro de equipe. Os carros da McLaren foram um pouco melhor e Button e Magnussen ocuparam, respectivamente, sexto e sétimo lugares, com os dois carros da Force India logo atrás.


A diferença entre os compostos macio e super macio, disponíveis no final de semana, deram a tônica deste treino. Em alguns carros a os vermelhos eram 2 segundos mais rápidos. Nem todos os carros porém, puderam testar a lacuna à exaustão, já que Pastor Maldonado errou feio uma entrada de curva e estampou a barreira de pneus quando faltavam 46 minutos para o fim, ocasionando bandeira vermelha. Quem estava em volta rápida não conseguiu repetir o bom desempenho, já que o pneu mais rápido também mostrou que dura pouco.


A classificação que define o grid para o GP de Cingapura acontece amanhã as 10h00 (de Brasília).

Related posts

Leave a Comment