F1 | Red Bull acredita que a Renault é a chave para recuperação na F1

Depois de quatro anos de sucesso e conquista do tetracampeonato de construtores e pilotos, a Red Bull começou a temporada 2014 da Fórmula 1 com diversos problemas técnicos e sem conseguir andar no mesmo ritmo da favorita Mercedes. Buscando se recuperar, o time austríaco acredita que a melhora na unidade de força da Renault seja crucial para voltar à briga por vitórias.


O primeiro GP do ano, realizado em Melbourne, na Austrália, no último fim de semana, mostrou um conjunto forte e que resultou no segundo lugar de Daniel Riccardo, embora o piloto tenha sido desclassificado após a prova.


“Noventa por cento dos problemas que temos com a unidade de força é relacionado ao software, dependendo de como o sistema de recuperação de energia funciona em conjunto com o motor à combustão. Então temos muito que melhorar nisso ainda”, diz Christian Horner, chefe da Red Bull.


“Temos espaço para aprimorar e vai depender do trabalho entre nossos engenheiros e os da Renault para tirarmos o máximo do nosso equipamento. Estamos cerca de um segundo por volta atrás da Mercedes, então esta é diferença que precisamos diminuir. Além da Mercedes, tenho certeza que se a Williams não tivesse uma corrida acidentada estaria na briga conosco”, encerrou Horner.

Related posts

Leave a Comment